Calibragem de pneus: qual a frequência correta?
Você sabe quando e como deve realizar a calibragem de pneus do seu carro? A Dica do Beto de hoje te explica. Calibrar os pneus é algo rápido, gratuito e importante: ajuda você a ter mais estabilidade no veículo, aumentar a vida útil do jogo de pneus e economizar combustível. Estima-se que 80% dos motoristas não realizam a calibragem de  pneus no período adequado. Esse descuido muitas vezes tem como desculpa a falta de tempo, apesar de levar apenas poucos minutos num posto de combustível ou numa borracharia. Já outros motoristas argumentam o desconhecimento como motivo para não calibrar os pneus no tempo certo. Seja qual for o motivo, essa falha na manutenção dos pneus (e, por consequência, do carro) gera risco e prejuízos.

Frequência da calibragem de pneus

O ideal é realizar a calibragem de pneus a cada 15 dias. Em último caso, ao menos, uma vez ao mês. Para ter uma ideia da importância do impacto desta ação no seu carro e no planeta, deixamos um dado alarmante. Se a calibragem fosse feita na frequência adequada por todos os motoristas do planeta, a economia de combustível seria de cerca de 4 bilhões de litros de combustível por ano.

Qual a pressão correta para a calibragem de pneus?

Não existe uma resposta única para todos os veículos a essa pergunta. O motorista deve seguir a indicação de fábrica específica para o modelo do seu carro. As informações sempre estão disponíveis no manual do proprietário. Em muitos veículos, também consta em uma etiqueta fixada na tampa do tanque de combustível. Um detalhe valioso: faça a calibragem sempre com os pneus frios. Atente que há uma calibragem correta para o carro sem carga e outra para o carro com carga, com diferenças para pneus dianteiros e traseiros. Em linhas gerais, os pneus traseiros devem ter a pressão aumentada quando é adicionada carga ao veículo, mas sempre respeitando o limite indicado para o carro. Uma dica importante para viagens: não deixe para fazer a calibragem de pneus na hora de pegar a estrada, mas com pelo menos dois dias de antecedência.

Problemas ao não realizar a calibragem de pneus

Não fazer a calibragem corretamente faz com que a vida útil do pneu diminua. E também aumenta o consumo de combustível. É um impacto duplo no bolso do motorista. Além disso, o excesso de pressão faz com que o carro tenda a sair de traseira. Vale a pena reservar uns minutinhos para a calibragem, não é? Quer saber mais dicas e informações sobre pneus? Confira outros posts do nosso blog sobre o tema clicando aqui.